Notícia

Clóvis de Barros encerra Inspira Fenae 2019 refletindo sobre o sentido da vida




Refletir sobre como nossa transformação individual impacta na construção do mundo foi a tônica da palestra do professor aposentado da USP, Clóvis de Barros Fillho, que encerrou o Inspira Fenae 2019-Transformações. Esta é a segunda vez que ele participa do evento.

Convidado para falar sobre democracia e transformação, Clovis de Barros usou exemplos de personalidades que superaram adversidades e a pressão social para atingir seus objetivos e sonhos.  Citou, entre outros, a persistência de Salvador Dali, que começou a desenvolver o interesse pelas artes quando ainda era criança, fazendo desenhos da mãe, e tornou-se um pintor consagrado.

Clóvis de Barros homenageou o atleta do salto de vara Thiago Braz da Silva, que superou a pressão da família para que largasse o esporte. “O que recomenda Aristóteles é que para transformar o mundo se busque a excelência da nossa natureza.  A medida que se busca a excelência se contribui de alguma maneira para que a transformação aconteça da melhor maneira possível”, destacou Barros.

O professor encerrou a palestra, deixando um questionamento para os participantes do Inspira Fenae 2019: “Qual a grande transformação que devo fazer para que minha vida tenha sentido?”.